GRADUAÇÃO
Empresarial
GRADUAÇÃO
Acadêmica Profissional
MESTRADO
Acadêmico & Empresarial
DOUTORADO
Acadêmico & Empresarial
Site AWU/USA
(domínio exclusivo
dos Estados Unidos)

PÁGINA PRINCIPAL

SET 17

PERÍODO DE CONCLUSÃO DOS CURSOS PELOS
ALUNOS MATRICULADOS E RECENTEMENTE
REINTEGRADOS NA AWU/USA:
JULHO 2017 a NOVEMBRO 2019

CANCELAMENTOS DEFINITIVOS DE ALUNOS INADIMPLENTES, A PARTIR DO DIA 8 DE SETEMBRO DE 2017 (SEM MULTAS NAS PROPINAS) OU 8 DE OUTUBRO DE 2017 (COM MULTA SOBRE AS PROPINAS)

Todos os alunos que se matricularam na AWU/LAD/USA (USA, Brasil, Angola e outros países de língua Portuguesa), terão amplos direitos para concluir seus cursos, nos diversos níveis de ensino, obtendo sua conclusão e diplomação legal nos Estados Unidos da América, desde que se mantenham regularizados na Universidade.

A UNIVERSIDADE NÃO MAIS ACEITARÁ MATRÍCULAS NOVAS. CONCLUIREMOS, ATÉ NOV 2019, OS CURSOS CUJOS ALUNOS SE MATRICULARAM NO PERÍODO DE 2000 A 2015 E OFICIALIZARAM SUAS REINTEGRAÇÕES.

A AWU/LAD/USA atenderá seus alunos matriculados até NOV 2019, por razões contratuais, legalmente ratificadas, quando encerrará suas atividades representativas e emitirá as diplomações finais de praxe aos seus alunos concluintes aprovados.

A partir de Dezembro de 2019, todos os alunos, caso ainda continuem inconclusos, em término de seus cursos, serão encaminhados a uma nova Universidade Americana (Unigenesys/USA) parceira educacional da AWU/USA desde 2015, que dará continuidade e complementariedade acadêmica a todos, se assim desejarem. Nesta época não haverá custos de transferência administrativa, sendo os estudos integrados e correlatos, atendentes a equivalência acadêmica necessária a complementação de estudos do aluno.

ORIGENS E OBJETIVOS

Nossa origem acadêmica está legalmente consolidada, desde o inicio do projeto, exclusivamente nos Estados Unidos da América, de onde provem os oferecimentos dos ensinos dos cursos superiores. A Justiça Internacional ratificou esta legitimidade.

Os procedimentos acadêmicos e administrativos são desenvolvidos exclusivamente, pela moderna modalidade da EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA, reconhecida mundialmente, cujas características estão apresentadas e disseminadas por toda nossa organização e gestão das atividades propostas.

Trata-se de um sistema operacional dinâmico, inteligente e produtivo para as pessoas cônscias e equilibradas para com as suas responsabilidades pessoais e profissionais, à busca de seus objetivos.

MENSAGEM DA REITORIA

Nossa Universidade Americana, situada nos Estados Unidos da América, tem um bom programa acadêmico desenvolvido por professores tutores, consultores e coordenadores, altamente qualificados, competentes e credenciados para esta proposta educacional, ministrada dos USA para cidadãos lusófonos (países de língua portuguesa), através de Procuração Legal emitida a educador brasileiro, professor doutor em Educação, desde 1996, legitimada em cartório americano e autenticada na Embaixada Brasileira nos EUA.

Nosso sistema de ensino é dinâmico, permitindo ao estudante desenvolver seus estudos e pesquisas em qualquer área ou nível de ensino de sua escolha, dentro de um programa sério, na modalidade de ensino a distância moderna e global.

Fomos homenageados por você, com a sua escolha, participação e continuidade dos estudos em nossa estrutura educacional. Tenha certeza de que estamos cumprindo nossa missão, quando resolvemos nos dedicar a este belo sonho, nos integrando também, neste projeto de desenvolvimento no segmento da educação superior, principalmente quando nos envolvemos com a modalidade global da educação a distância, considerada um grande avanço na formação e aperfeiçoamento objetivadas às atividades acadêmicas e empresariais destes países envolvidos.

Vale lembrar que este projeto idôneo, legal, eficiente e eficaz tem direcionamento às pessoas naturalmente esclarecidas e amadurecidas, independentemente de seus níveis de estudos, com discernimento para analisar os atos, fatos, leis e as formas de administração. Pessoas estimuladas com seus horizontes, alongados pela esperança de novos caminhos, que os levem ao saber e oportunizem seus crescimentos profissionais, com base nos seus conhecimentos culturais e educacionais.

Continuamos a desenvolver nossa Gestão Educacional exclusivamente dos Estados Unidos da América para os demais cidadãos estrangeiros de países, vinculados aos diversos continentes em todo o mundo.

FUNCIONAMENTO DA AWU/USA NOS USA, DE 2017 A 2019,
PARA ORIENTAÇÕES FINAIS AOS ALUNOS MATRICULADOS

A AWU/USA criou, com legitimidade dos termos do Contrato Educacional de 1996 e 2013, extensionada a 2019 pela ação judicial, as normas para funcionamento da Coordenação de Atividades do Desenvolvimento e Conclusão dos Cursos Superiores da AWU/USA, para acompanhar os direitos seus alunos matriculados, para continuidade aos seus estudos e oportunizar a conclusão de seus cursos na AWU/USA, durante o período de 2017 a 2019, mantendo aos reintegrados em agosto/setembro de 2017, o direito do uso da quantidade de cotas financeiras mensais pagas, bem como avaliações das disciplinas academicamente aprovadas, cujo documento de posicionamento acadêmico/financeiro encontra-se disponível, visando as conclusões de seus cursos e suas legitimações futuras.

NOSSA MISSÃO

A AWU/USA permanecerá naturalmente funcionando, exclusivamente nos USA, respaldando o apoio administrativo e acadêmico virtual aos cidadãos dos países de língua portuguesa, nela matriculados.

Para respeitar as legislações dos países lusófonos, legalmente esclarecemos, com base em sentenças jurídicas internacionais, que a Universidade Americana nunca esteve jurídica, acadêmica e administrativamente instalada no solo brasileiro ou em quaisquer outros solos dos países em que o Procurador Legal desempenha suas responsabilidades, onde nunca foi emitido diploma da AWU/USA, não realizadas aulas presenciais acadêmicas, nem assinado acordos de atividades educacionais com Instituições desses territórios, que visem realizar estes mencionados procedimentos, desenvolvidos direta e exclusivamente nos e dos USA. Temos sofrido inúmeras pressões de órgãos privados e públicos, através de pessoas desconhecedores da legislação específica educacional brasileira e americana, quando exacerbam suas decisões mencionando que “a AWU/USA teria que obter autorização para funcionamento no Brasil emitida pelo MEC”, quando isto seria impossível de ocorrer e nunca tendo havido jurisprudência que comprove a aplicabilidade de estapafúrdia exigência estampada, com clareza, na redação das leis vigentes nas épocas de seus posicionamentos processuais. A AWU/USA sempre posicionou-se, corretamente, e assim permanece, ratificada sua declaração de que não depende de autorização prévia dos órgãos governamentais de outras nações para oferecer, opcionalmente, seu ensino virtual internacional, na modalidade a distância a cidadãos estrangeiros, quando este ensino sempre foi e continua sendo virtualmente desenvolvido e aplicado, exclusivamente dos USA, cabendo a qualquer aluno estrangeiro desenvolver, por opção própria, seus estudos virtuais, nos seus próprios países e remeter suas produções acadêmicas ao Conselho de Ensino da Universidade nos USA.

A Universidade Americana sempre teve sua procuração legal exercida por pessoa física e não por pessoa jurídica. A AWU/USA é credenciada nos USA, obedecidos os critérios exclusivos norte-americanos, competente para o desempenho do seu instrumento Particular de Procuração, assinado em Los Angeles, USA, conforme respaldo da vigência das leis.

O Procurador não responde, sob quaisquer formas, pelas áreas financeiras e patrimoniais da Instituição. O Procurador é um educador brasileiro, gestor experiente, exercendo a função legal designada como Reitor, há cerca de 21 anos, consciente de seus conhecimentos e com capacidade para exercer tal cargo, educacional e administrativamente competente, qualificado e diplomado nos níveis de Graduação, Especialização, Mestrado e Doutorado, além de ser jornalista repórter credenciado na AIERJ – Associação de Imprensa do Estado do Rio de Janeiro (1985), filiada à Federação Nacional e Internacional de Imprensa.

A AWU/USA sempre desenvolveu a iniciativa saudável e correta de expor suas formas claras de Procuração, comportando-se, sempre, de forma lúcida, lícita, clara, precisa e respeitosa às legislações de seu país e dos países de origem dos cidadãos alunos partícipes, visando às conclusões oficiais e diplomação dos cursos participados, quando aprovados, inclusive oportunizando à busca dos concluintes pelas exigidas autenticações internacionais (antes consulares, hoje legalmente substituída pelo Apostille/Convenção de Haya) e, somente ao final, buscar o reconhecimento de seus estudos, aí sim, com a aplicabilidade das leis dos países dos diplomados, quando não se oportuniza a interferência dos doutores juízes pela exigência de ações legais determinadas às Universidades Brasileiras. Caberá aos diplomados providenciar o apostilamento, o mencionado reconhecimento, sob suas próprias responsabilidades, com base nas leis e orientações, se requeridas, do Procurador Legal.

RAZÕES DO ACORDO

Foi assinado em Set 2008 o Acordo Educacional Internacional entre a Universidade Agostinho Neto/Angola e a American World University/USA, legitimamente reconhecido no Ministério das Relações Exteriores de Angola e pela Embaixada Brasileira em Angola, com uma significativa identidade dos seus objetivos no desenvolvimento da Educação Superior a Distância, nos níveis de Ensino da Graduação, Mestrado e Doutorado, com direitos de exclusividade contratual da AWU/USA, tendo grata receptividade pelos segmentos das comunidades acadêmica e empresarial angolanas, agora, validado pelo Tribunal Arbitral Internacional, até 10 Set 2019.

Em 9 de Junho de 2014, foi ratificada a legitimidade do Acordo Educacional pelo Tribunal de Justiça Arbitral Internacional, por plena decisão jurídica, dignamente transparecido pela sua plena legalidade e legitimidade institucional, ultrapassando os desencontros administrativos e políticos em Angola, concluída a tramitação dos necessários esclarecimentos e adequações legais imutáveis, irrevogáveis e irretratáveis, com apoio das sábias orientações jurídicas arbitrais, com responsabilidades de cumprimento pleno das decisões pela Universidade Agostinho Neto/Governo Democrático da República de Angola.

O funcionamento da AWU/USA está mantido e revigorado pelo Tribunal de Justiça Internacional em suas origens e, em caso especial, em Angola, com respaldo da Universidade Agostinho Neto, ratificadas suas legalidade e validade no Acordo Educacional, para conclusão completa de seus cursos e diplomação de seus alunos na AWU/USA, homologados seus Direitos de Reconhecimento Acadêmico automáticos de seus diplomas para validade em toda Angola.

PROCESSO AWU/USA X UAN E MES / ANGOLA
A JUSTIÇA TARDA, MAS NÃO FALHA

O Tribunal Arbitral Internacional concluiu o processo jurídico, na data de 9 de Junho de 2014, em desfavor da Universidade Agostinho Neto/Ministério do Ensino Superior/ANG e a favor da legalidade, legitimidade, dignidade, respeito, seriedade e competência da AWU/USA, legitimando e validando os termos contratuais do Acordo Educacional, impetrada a Ação de Cumprimento de Execução do Título Judicial (desde 2015), com sentença condenatória de caráter irrecorrível, irrevogável e imutável no Tribunal de Justiça Internacional, devendo o Governo de Angola, através da UAN/ANG, ser intimado ao cumprimento das determinações jurídicas indispensáveis.

AS RAZÕES NOS IMPELEM A SEGUIR EM FRENTE

Em nossa ação complementar de execução judicial impetrada em 2015 contra a UAN/ANG, foi requerida a ratificação decisória da viabilidade da indenização parcial de valores dos alunos, visando apoiar suas necessárias continuidades no projeto que deverá ser corroborado, pelo Tribunal de Justiça, após as necessárias tramitações internas processuais de execução de sentença.

A Reitoria da AWU/USA reconhece não ter como interferir na administração governamental de Angola, mas sente-se forte para fazer-se orientadora, consultora, tutora de milhares de alunos angolanos, transformando mentes à níveis qualitativos, levando-lhes a verdade sobre a legítima educação e os fatos ocorrentes. A AWU/USA continuará se impondo, com a legalidade em que a Sentença Condenatória a permite, junto ao Governo de Angola para que este respeite as leis jurídicas internacionais, cobrando que este cumpra as mesmas, com dignidade que suas próprias leis constitucionais determinam.

A Reitoria da AWU/LAD/USA estará sempre presente a busca da solução positiva, impondo sua moral para respeitarem seus direitos, bem como os direitos dos alunos no projeto, mesmo conhecendo a continuidade de imposições estapafúrdias daquele Governo para o impedimento do cumprimento da sentença condenatória irrecorrível e transitada em julgado.

REINTEGRAR-SE OU NÃO?
CABE A VOCÊ A DECISÃO

A falta de comunicação da reintegração do aluno às atividades da Universidade após as nossas remessas dos Relatórios Financeiros Individuais, através da reiniciação dos pagamentos (cotas ou propinas) opcionais descritas, até 8 de Outubro de 2017, com a devida comunicação (e-mail) do comprovante de depósito ou pagamento programado, CANCELARÁ AUTOMATICAMENTE (sem avisos prévios) sua matrícula na Universidade, além de quaisquer direitos a sua continuidade, aos valores pagos, a avaliações de disciplinas, a acesso à senhas e aos outros benefícios de redução financeiras propostas pela Universidade.

Os prazos normais definidos para o pagamentos previstos (SEM MULTA e COM MULTA) para oficializem suas reintegrações (continuidade) na Universidade, estão expiradas.

Após os prazos para reintegração dos alunos, não havendo os respectivos pagamentos programados, as MATRÍCULAS SERÃO AUTOMATICAMENTE CANCELADAS. Estes alunos cancelados somente terão oportunidade de retornar à AWU/USA, consultando a Universidade (via e-mail) quais seriam suas novas propostas financeiras a serem consideradas, já que lhes seriam mantidos os direitos, exclusivamente, das avaliações realizadas que tenham obtidos aprovação, caso se mantenha nesta Universidade.

CONCLUSÃO

Mesmo considerando os acontecimentos políticos ocorridos, o Reitor da AWU/USA não desistirá do apoio profissional e pessoal prometidos e dedicados a educação dos cidadãos brasileiros e angolanos partícipes deste nosso Projeto de Vida. Percebemos que a má vontade e a perseguição aplicadas para o nosso afastamento deste projeto do ensino superior no Brasil e em Angola, foram potentes, mas reconhecemos que nossa força de ação e reação a estes desumanos ataques são decididas e coerentes com o nosso caráter ilibado, da educação conquistada, da legalidade e potencialidades de nossas atitudes idôneas, junto a cidadãos que acreditaram e continuam acreditando em nossa qualidade de princípios , merecendo nosso irrestrito respeito.